GANHAR OU GANHAR

 

Mais do que dar voz aos idiotas, a internet, abriu vários campos para todos (idiotas ou não). Campo de conhecimento, campo de bobagens, campo de pornografia, entre muitos campos e um dos maiores: O campo de guerra, na batalha de quem está sempre com a razão.

 

E no campo de quem está com a razão, o campo da razão sempre perde. Perder. Aprender a perder é mais difícil do que aprender a ganhar. Mas como aprender a perder, se há tempos a criança é estimulada a ser o número 1? Pois, ser o número 1 é um troféu... para os pais, não para a criança.

 

Ter razão, é algo que todo mundo a nível de gente, enquanto ser humano, tipo nóis memo gostamos. E por que? Ninguém por mais psicanalisado, evangelizado, e no máximo do estado zen, gosta de ser contrariado, corrigido ou criticado, pela simples razão de que confundimos o que pensamos com o que somos. Mas o que somos? Somos mesmo o que diz nosso discurso?

 

Palmeiras ou Corinthians, Católico ou Evangélico, Hetero ou Homo, Coxinha ou Petralha... As variáveis do pensamento e ser não são sempre iguais, na verdade, quase Nunca são! Então, se sou Católico todas as outras religiões estão erradas, sou Hetero, logo homo é doença, Sou Palmeiras, o resto é time de várzea! E por aí vai...

 

Um simples comentário sobre um ponto de vista ou preferência, pode desencadear uma violenta discussão, agressão e até morte! Brigar e até matar alguém, porque este não concorda com minhas ideias, parece um excesso de vaidade. E como se sabe, todo excesso vem de uma falta... Pense bem quando algo do outro te irritar muito!

 

Mas quem de fato liga para o que você pensa, a não ser, aquele que pensa igual, e que quando você mudar o pensamento, ele não irá mais concordar contigo, porque agora, você pensa diferente, logo, agora você faz parte do time adversário.

 

Um caso bem atual é o presidente Temer. Quem queria a Dilma fora, idolatra Temer independente de todos os erros que este possa cometer. Por outro lado, quem ainda defende Dilma, sente um prazer inesgotável em se divertir com a desgraça do outro, que se estende para outros e no final para todo o país!!!

 

É uma insanidade sem tamanho ficar feliz com a desgraça do país, SÓ para mostrar para o outro que você tinha razão! O que no fim, se caracteriza como mero prazer onanista. É masturbação pura, de onde o "gozo" se inspira na figura triste que vejo, para que eu possa ejacular em cima de mim mesmo...

 

Este tipo de atitude reacionária, insana e muito idiota faz com que os "cabeças feitas" se matem, e os cabeças de vento adentrem no bloco das "Marias vão com as outras", deixando os que tem uma opinião formada e que respeitam a dos outros, fiquem indignados ou em silencio, já que palavras ao vento, sempre serão palavras ao vento.  

 

JEFF Fernandes

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
Meu Perfil
BRASIL , Homem , Psicanalista em formação, Jornalista e
Outro - Radialista...

 
Visitante número: